quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

DROGAS x CARNAVAL


Mt.18:11”Porque o Filho do Homem, veio salvar o que estava perdido”

Data: 02/02/2010
Cidade: Jaboticabal
Sit.tribunaregião.com.br



O carnaval é para os brasileiros a festa mais esperada do ano. Diferente de todas as outras, é o momento de se divertir como nunca, é como se vivesse cada dia que antecede a quarta-feira de cinzas como se fosse o último. No meio da festa mais sensual brasileira, para muitos, vale tudo, de experimentar coisas novas a fazer tudo o que se tem vontade. No entanto, é sempre bom lembrar que algumas ações podem ter consequências para além dos dias de folia, até mesmo para a vida inteira, portanto, curtir de maneira intensa, mas com responsabilidade é fundamental para um divertimento saudável e seguro.
Regada por muita música, sexo e drogas, a diversão proporcionada pelo carnaval pode se tornar um pesadelo para àqueles que não se cuidam. A liberação sexual que o Carnaval estimula só é vista com bons olhos desde que a camisinha se faça presente, uma vez que nessa época é que ocorre a maior contaminação pelo vírus HIV.
Além do sexo, carnaval também está ligado a drogas, e estas podem ser interpretadas de diversas maneiras. Para o jovem Alberto, de 22 anos, usuário de maconha desde os 18, o carnaval é o momento do ano em que faz tudo que tem direito, inclusive o uso de drogas ilícitas, para ele, um baseado é tão prejudicial para a sociedade quanto uma garrafa de cerveja, que é lícita permitida por lei.
Já para Fernando, hoje com 31 anos, todo tipo de droga acaba prejudicando de alguma maneira tanto o usuário quanto a sociedade, e toda atitude sem responsabilidade pode trazer sérios problemas, e foi justamente isso que o fez ficar paraplégico aos 20 anos no último dia de carnaval de 1998, quando sofreu um grave acidente. Fernando lembra que o amigo que estava dirigindo havia bebido a noite toda, e que todos estavam “doidões” no carro e pedindo cada vez mais velocidade. O resultado: uma tragédia.
Lembre-se, após os dias de folia ainda existe vida!
Manual das Drogas
Droga faz a gente viajar? Faz.
Faz a gente fluir? Faz.
Faz a gente sonhar? Também faz.
Então o negócio é curtir.
E quando você quiser parar, você pára. Certo?
Errado. Completamente errado!
Pesquisas indicam que em cada cinco alunos universitários, um já fez uso de droga e que 70% deles ficam dependentes.
Independente da forma (ingerida, injetada, inalada ou absorvida pela pele), as drogas entram na corrente sanguínea e atingem o cérebro alterando todo seu equilíbrio, podendo levar o usuário a reações agressivas.
Aproveitando o Carnaval, um dos eventos apontados como o marco de iniciação de muitos jovens ao mundo das drogas, segue algumas informações sobre o que fazem a seus usuários. Confira.

CIGARRO: A nicotina presente em um só cigarro consegue aumentar a produção de hormônios receptores no lobo frontal do cérebro, no hipocampo e no cerebelo que envolve a memória a longo prazo. Desta forma, dois dias após ter fumado um único cigarro, o indivíduo passa a ter necessidades da droga no organismo. A manifestação da dependência à droga ocorre por causa das adaptações que o organismo faz para recebê-la na busca por manter seu equilíbrio químico e funcional.

ÁLCOOL: Apesar de ser uma droga psicotrópica, ela atua no sistema nervoso central, podendo causar dependência e mudança no comportamento. Os efeitos do álcool são percebidos em dois períodos, um que estimula e outro que deprime. No primeiro pode ocorrer euforia e desinibição. Já no segundo ocorre descontrole, falta de coordenação motora e sono. Os efeitos agudos do consumo do álcool são sentidos em órgãos como o fígado, coração, vasos e estômago. Para os viciados no caso de suspensão do consumo, pode ocorrer confusão mental, visões, ansiedade, tremores e convulsões.

LANÇA-PERFUME: conhecida também como a droga dos carnavais. O lança-perfume é um solvente à base de cloreto de etila, éter, clorofórmio e essência perfumada. Essa substância é absorvida pela mucosa pulmonar, sendo seus componentes levados, via corrente sanguínea, aos rins, fígado e sistema nervoso. Liberando adrenalina no organismo, acelera a frequência cardíaca, proporcionando sensação de euforia e desinibição ao mesmo tempo em que confere perturbações auditivas e visuais, perda de autocontrole e visão confusa. Como seus efeitos são rápidos, os usuários tendem a inalá-lo diversas vezes, potencializando a ação de seus compostos sobre o organismo. Assim, seu uso pode desencadear em quadros mais sérios, como falta de ar, desmaios, alucinações, convulsões, paradas cardíacas e morte. Além disso, por alterar a consciência do indivíduo, permite com que este esteja mais vulnerável a acidentes.

COCAÍNA:  é uma droga psicoativa que estimula e vicia, promove alterações cerebrais bastante significativas que faz com que o usuário vivencie sensações de poder, entretanto tais efeitos têm pouca duração. Logo o indivíduo entra em contato com a realidade, aspecto que desperta uma grande ansiedade em poder utilizá-la novamente. Se consumida por muito tempo, ocasiona danos cerebrais e diversos outros problemas de saúde como: aceleração ou diminuição do ritmo cardíaco, dilatação da pupila, elevação ou diminuição da pressão sanguínea, calafrios, náuseas, vômitos, perda de peso e apetite.

MACONHA: Muitos acreditam que não vicia por ser natural, ou seja, por não possuir composição de produtos químicos, mas isso é um erro. Ela vicia e provoca efeitos alucinógenos.

CRACK: O consumo do crack é maior que o da cocaína, pois é mais barato e seus efeitos duram menos. Por ser estimulante, ocasiona dependência física e, posteriormente, a morte por sua terrível ação sobre o sistema nervoso central e cardíaco.  Seu uso gera aceleração dos batimentos cardíacos, aumento da pressão arterial, dilatação das pupilas, suor intenso, tremores, excitação, maior aptidão física e mental.

ECSTASY:  também conhecida como bala,  no cérebro, age aumentando a produção e a diminuição da reabsorção da serotonina, dopamina e noradrenalina. Seus efeitos surgem após 20 e 70 minutos, atingindo estabilidade em duas horas. Os efeitos físicos são taquicardia, aumento da pressão sanguínea, secura da boca, diminuição do apetite, dilatação das pupilas, dificuldade em caminhar, reflexos exaltados, vontade de urinar, tremores, transpiração, cãimbras ou dores musculares. Quanto aos efeitos psíquicos, o ecstasy ocasiona sensação de intimidade e de proximidade com outras pessoas, aumento da comunicação, da sensualidade, euforia, despreocupação, autoconfiança e perda da noção de espaço.
Em longo prazo podem ocorrer alguns efeitos, tais como lesões celulares irreversíveis, depressão, paranóia, alucinação, despersonalização, ataques de pânico, perda do autocontrole, impulsividade, dificuldade de memória e de tomar decisões.
Autor:
Ariel Gricio
Fonte:
Redação

Infelizmente muitos estão iludidos com essa tal “festa do carnaval” que dizem que é só alegria. São 4 ou mais dias de total loucura e depois...... 
Louvo a Deus que há projetos e iniciativas para o Evangelismo no carnaval como da JMM veja:
Os jovens do Radical Latino – Voluntários Sem Fronteiras – participarão do Impacto de Carnaval no  Sambódromo do Rio de Janeiro. O objetivo é levar a Palavra de Deus às pessoas que vivem a ilusão de encontrar a felicidade durante os quatro dias de “folia”, mas que na verdade acabam se expondo à doenças, violência, vícios, prostituição e outros muitos problemas que podem levar à destruição.

Segundo a coordenação do Radical Latino, o Impacto de Carnaval não é uma atividade simples, é buscar as pessoas em situações muito adversas. “As experiências nos têm mostrado que, muitos dos que se encontram no Carnaval já estiveram perto dos caminhos do Senhor, ou se encontram na realidade do filho pródigo”, diz o Pr. Élbio Márquez – Coordenador do Radical Latino.
Entre no sit jmm.org.br e participe!!!
Lc.4:43 “É necessário que eu anuncie o evangelho do reino de Deus também às outras cidades, pois para isso é que fui enviado.”
Lc.5:31 “Os são não precisam de médico, e sim os doentes.
Não vim chamar justos, e sim pecadores, ao arrependimento.”

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...