terça-feira, 17 de dezembro de 2013

MISSÕES E EVANGELISMO, FAÇA A DIFERENÇA.


O QUE É “EVANGELIZAR”? 

 Este verbo deriva do substantivo “evangelho” que, na língua grega significa “boas novas” (no grego euangelion).  Evangelizar é anunciar o Evangelho do Reino de Deus.  É anunciar a possibilidade do ser humano colocar-se debaixo do governo de Deus, através da vida, morte e ressurreição de Jesus.
  Todo ser humano precisa conhecer o Evangelho
a) Porque todo homem é pecador e está separado de Deus (Rm 3:23 e 6:23).
b) Porque a fé em Jesus Cristo é o único meio de alcançar perdão (Jo 3:16 e 36).
c) Porque somente através de Jesus o homem é liberto do domínio do diabo (Jo 8:31-32, 36, 42-44).
d) Porque pela fé em Jesus o homem é aceito por Deus como filho (Jo 1:12).
e) Porque somente pela fé em Jesus o homem recebe vida eterna (Jo 5:24, 6:51, 10:27 e 28).
f) Porque a volta de Jesus é condicionada ao testemunho do Evangelho ao mundo inteiro (Mt 24:14).

O QUE É MISSÕES?
Missões é uma ordenança de Jesus Cristo, que antes de ascender aos céus após sua ressurreição, orientou seus discípulos a irem por todo o mundo, levar o evangelho e sua mensagem. As ações missionárias e projetos sociais são cumprimento dessa ordenança de forma prática e efetiva, com resultados visíveis de transformação da sociedade e pessoas a quem essas iniciativas alcançam...
Missionário é aquele que sai para um determinado lugar, enviado por Deus, com a benção da Igreja, para atender a um chamado específico e divino. Esse chamamento pode ser para o exercício de diversas atividades de acordo com a necessidade do trabalho para onde fora enviado.

MISSÃO PARA COM O MUNDO:

A missão da Igreja é voltada para fora, ou seja, para com o mundo. É nosso dever, como igreja, levar a mensagem de Jesus Cristo a TODOS os seres humanos na face da terra.

COMO COMEÇA?

Começa por você obedecendo o IDE DO SENHOR “E disse-lhes: Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura....” Mc.16:15
Há milhões de pessoas perdidas neste mundo, sem Deus, sem Jesus. Há urgência de pregar o Evangelho.
Pregar o Evangelho não basta, isto é, esta missão de evangelizar não pode ser exclusiva de púlpitos. “Na minha igreja o meu Pastor prega todos os dias.” Amém , será que esta missão é exclusiva somente para o ministério?
Pregar não basta devemos ensinar. O ensino da Palavra de Deus é vital para a sobrevivência de qualquer igreja. Se não houver o ensino, a semente do evangelho será removida facilmente. O ensino é o enraizamento.
Quando estamos evangelizando estamos ensinando a Palavra de Deus. Você é o instrumento.
 Deus usa no evangelismo  o ser humano, ou seja, o mensageiro. Se não há quem pregue, como ouvirão? Se não ouvirem como crerão? Se não crerem como invocarão? E se não invoquem pela fé o Senhor, como serão salvos? (Ro. 10.12-14, “Porquanto não há diferença entre judeu e grego; porque um mesmo é o Senhor de todos, rico para com todos os que o invocam. Porque todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo. Como, pois, invocarão aquele em quem não creram? e como crerão naquele de quem não ouviram? e como ouvirão, se não há quem pregue?”).
O evangelismo começa na Igreja local onde se é membro. Esta Igreja esta inserida em uma Comunidade. Esta igreja deve fazer o levantamento das necessidades sociais, materiais e espirituais. Mediante esta informação, serão estudadas as abordagens evangelísticas.

EVANGELISMO CUMPRA A SUA MISSÃO

 Praticar a evangelização de forma pessoal ou coletiva. Comece em sua casa, em sua rua, bairro ou cidade. Deus tem um grande projeto em nossa vida para expandir seu reino na terra. Faça um esboço simples sobre o plano da salvação. Aprenda-o, pratique e ensine a outros. À medida que praticamos ganhamos experiência e mais confiança na ministração da Palavra. Certamente muitos obstáculos surgirão, mas há também uma incomparável recompensa para os que anunciam esta boa notícia. Em 1 Coríntios 15.58 lemos assim:
“Portanto, meus amados irmãos, sede firmes e constantes, sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que o vosso trabalho não é vão no Senhor.”

A OBRA CONTINUA, MISSÕES URGENTE.

Quando Cristo nos ordenou “ide ir por todo o mundo,” o termo usado por Ele foi “ethnos”, que em grego significa “grupos de povos”, “grupos étnicos” e não nações no sentido usual. Sendo assim há ainda muitos povos não alcançados que precisam conhecer a Cristo. Apocalipse 5.9 é uma referência ao trabalho missionário da igreja no alcance destes grupos. Neste texto lemos sobre tribo, língua, povo e nações os quais estarão diante do Cordeiro. Esses grupos conheceram a Cristo mediante à obediência daqueles que obedeceram ao ide de Cristo pelo mundo. Veja abaixo um pouco mais sobre o nosso desafio missionário:
·         Quase dois terços da população mundial ainda não ouviu a mensagem do Evangelho!
·         Milhares de grupos étnicos nunca foram alcançados com as Boas Novas!
·         Muitas tribos espalhadas no mundo nunca receberam um só missionário!
·         A população do mundo dobrará em menos de 50 anos!
·         1.700 idiomas, aproximadamente, não possuem um único texto bíblico traduzido!
É claro que há alguns grupos de povos com algum tipo de testemunho do Evangelho, mas isto não significa que já foram alcançados. Conscientes desta urgente necessidade precisamos nos envolver de forma mais intensiva, orando, contribuindo financeiramente ou mesmo indo.
Procure a sua Igreja local, envolva-se, saia do banco. Tem alguém que precisa de Cristo. Tem alguém que precisa de você. Jesus quer te usar!
Postagem. Missionária Liane Cruz

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...